Notícias

30 Março 2022

CBA receberá motores e promoverá concorrência interna de chassis para a Copa Regional Sul-americana de Kart FIA

Confira as novidades sobre a temporada inaugural da competição, que será realizada no Brasil.

O Brasil foi escolhido pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA) para sediar a temporada inaugural da Copa Regional Sul-americana de Kart FIA.

Foto: Jackson de Souza

Criada por Felipe Massa no ano passado, quando ocupava a presidência da FIA Karting, o novo campeonato internacional foi apoiado desde sua elaboração por Giovanni Guerra, presidente da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), que garantiu as condições para a disputa nos kartódromos brasileiros.

O objetivo da “FIA Regional Cup” é permitir que o kartista possa correr em seu próprio continente com os mesmos equipamentos e regras dos campeonatos mundiais. Até então, o piloto chegava na competição internacional sem ter familiaridade com o conjunto mecânico, resultando num aprendizado muito caro.

Com o programa continental, essa fase inicial será realizada na própria região do kartista e com economia substancial, uma vez que o equipamento tem subsídio da própria FIA. E tudo isso começará pelo Brasil, visto as condições ideais aqui existentes.

Serão três etapas nos kartódromos homologados pela FIA no país: Speed Park, em Birigui (SP), Imperatriz (MA) e Paladino, em Conde (PB), reunindo as categorias Mini, OK Júnior e OK, seguindo o regulamento FIA Karting.

O formato do evento prevê o sistema “arrive & drive”, em que todo o equipamento é sorteado entre os pilotos no início da competição, como acontece no Troféu Academy da FIA. Ou seja, todos terão chassis e motores iguais, fato que motivou a CBA a realizar uma concorrência entre os fornecedores de chassis, cujas regras serão anunciadas brevemente. Poderão participar do processo fabricantes nacionais ou representantes de marcas importadas.

Já os motores das categorias OK e OK Júnior serão enviados pela FIA da Europa para o Brasil, sem custos para a CBA, que os receberá em regime de comodato. Na categoria Mini, os propulsores serão fornecidos pela brasileira KTT. Em todas as categorias, os pneus utilizados serão os da MG.

“Pela primeira vez, o Brasil receberá equipamentos da FIA para a realização de um campeonato aqui. É um ganho extraordinário para o país e destaca a importância que a nova gestão da FIA está dando ao nosso kartismo”, ressaltou Giovanni Guerra, presidente da CBA.

“Com relação aos chassis, eles também serão custeados pela FIA, mas teremos a concorrência no Brasil, o que valoriza muito o nosso mercado”, continuou Guerra.

Em virtude do ineditismo do projeto, alguns ajustes estão sendo necessários e o calendário divulgado inicialmente para o evento será modificado. As novas datas serão anunciadas em breve.

“A criação da Copa Regional de Kart FIA tem como objetivo dar a chance a mais pilotos, especialmente os que estão fora da Europa, se prepararem para as competições internacionais da FIA, facilitando o acesso deles às principais competições e tornando-os mais experientes e competitivos”, completou Guerra.

Mais informações, acesse: www.cba.org.br

Comunicação CBA

Fernanda Gonçalves (CNK)
11 98245-4511
fernanda@fgcom.com.br

Fran Oliveira (Institucional)

Américo Teixeira Junior
19 99749-8111
comunicacao@cba.org.br

Autor: Assessoria de Imprensa