Confederao Brasileira de Automobilismo

Fia Fia

  • 17
  • DEZEMBRO / 2017
    Brasileiro de Drift
    Rio de Janeiro

Noticias

02/01/2017
Brasileiros tem início promissor no Rally Dakar

Vitória nos quadriciclos e top-3 nos UTVs são os destaques. Dupla dos carros e pilotos das motos completam trecho

Os brasileiros tiveram um bom início de Rally Dakar, principal prova fora de estrada do mundo, que teve a abertura da edição 2017 nesta segunda-feira (2), com um trecho cronometrado de 39 quilômetros entre as cidades de Assunção, no Paraguai, e Resistencia, na Argentina. Oito competidores representam o País nas categorias carros, motos, quadriciclos e UTVs.

O grande nome do dia foi Marcelo Medeiros, que venceu a especial entre os competidores dos quadriciclos. O maranhense, um dos destaques da prova no ano passado, completou o percurso em 32min53s, e abriu 1min02s de frente para o segundo colocado, Gastón González. Nelson Sanabria completou o grupo dos três primeiros.

Nos UTVs, categoria que estreia no Dakar neste ano, Leandro Torres e Lourival Roldan terminaram o dia com a terceira colocação entre os dez competidores. A liderança da prova nesta classe pertence ao russo Maganov Ravll, que leva 57 segundos de vantagem em relação ao duo verde e amarelo.

Sylvio de Barros e Rafael Capoani fecharam a especial dos carros com a 21ª colocação. A dupla compete com um Mini e foi escalada alguns dias antes do início da prova pela equipe X-Raid. O vencedor da especial foi o qatari Nasser Al-Attiyah, que resistiu até a um incêndio em seu Toyota para triunfar.

Nas motos, categoria que tem a maior presença brasileira nesta edição do Dakar, Ricardo Martins foi o melhor representante do País ao terminar com a 54ª posição. Gregório Caselani foi o 57º, mas uma punição o jogou para a 65ª colocação, enquanto Richard Fliter terminou em 74º.

Nesta terça-feira (3) a caravana do Dakar deixa a cidade de Resistencia e segue para San Miguel de Tucumán. O percurso tem um total de 803 quilômetros, enquanto a especial contará com 275 quilômetros.

Foto: Marcelo Machado